fototarefainacabada.jpg

Apesar do avanço da pregação do Evangelho, ainda há bilhões de pessoas que nunca ouviram falar sobre Jesus, são os Povos Não Alcançados. Estes povos não possuem uma comunidade nativa de cristãos capaz de evangelizá-los. Muitos destes grupos não têm nenhum conhecimento de quem é Deus. A maioria não tem igrejas, pastores ou bíblias traduzidas e acessíveis. Ao olharmos para a palavra vemos inúmeros textos que embasam a pregação global do Evangelho. Em Atos 1:8, Jesus é claro ao afirmar que o testemunho do Evangelho precisa chegar aos confins da terra e não ficar restrito a Jerusalém. Jesus comprou para Si gente de toda tribo, língua e nação (Ap. 5:9).  Ainda assim, a tarefa permanece inacabada. 

 

O missionário Ronaldo Lidório afirma que “enquanto ensinamos em nossas igrejas sobre a segunda vinda de Jesus, alguns povos nem sequer sabem que Ele já veio pela primeira vez”. O Brasil tem um número significativo de igrejas, cristãos e traduções bíblicas, contudo, a realidade não é a mesma no mundo todo. Segundo a Aliança para os Não Alcançados, cerca de 40% da população mundial não tem a oportunidade de ouvir o Evangelho onde vive. São mais de 3 bilhões de pessoas inalcançadas. A maioria destes povos vive no continente asiático, são mais de 5 mil grupos de não alcançados na Ásia. 

 

O missionário Oswald Smith questiona esta desigualdade na oferta do Evangelho: “Por que alguém deveria ouvir do evangelho duas vezes, quando há pessoas que não ouviram nenhuma vez.” Jesus nos ensina que o relógio escatológico depende da pregação mundial da palavra. “E este evangelho do reino será pregado em todo o mundo, em testemunho a todas as nações, e então virá o fim” Mateus 24:14.   Jesus também nos adverte que os que o amam, obedecem aos Seus mandamentos (João 14:21).  Que Deus nos encontre como discípulos que o amam e trabalham para terminar a Grande Comissão.

TAREFA INACABADA